DICAS DE NUTRIÇÃO

<< +
NUTRIÇÃO /

Dicas para prevenir a celulite



O que é?

Conjunto de alterações no tecido conjuntivo subcutâneo com presença de edema. Conhecida como hidrolipodistrofia ou lipodistrofia ginóide

Origem da palavra - LIPO = relativo a gordura

DISTROFIA = demonstra desordem nas trocas metabólicas do tecido

GINÓIDE = gino = mulher , óide = forma de

Ou uma inflamação das células às vezes dolorosas, associadas com alterações da circulação, propiciando modificações no tecido adiposo e cutâneo, causando o efeito “casca de laranja ”.

São muitos os fatores que causam a celulite :

 

O excesso de estrogênio (hiperestrogenismo) é a principal causa da celulite e por este motivo as mulheres são mais acometidas. Os homens também não estão livres deste mal, porém são atingidos em menor escala.

A celulite também esta relacionada com fatores genéticos, ou decorrentes da obesidade, o sedentarismo, alimentação pro inflamatória rica em frituras e açucares, roupas inadequadas e compressivas que impedem a circulação (ex: calça jeans apertada), alem do fumo e o uso de anticoncepcionais que também são acusados  pelo aparecimento dos nódulos antiestéticos.

 

A prisão de ventre colabora muito para o aparecimento da celulite, pois  um intestino que não funciona regularmente produzirá mais toxinas e eliminará  menos toxinas, que se  acumularão em nosso organismo afetando o equilíbrio total.

Alem disso a constipação intestinal acaba alterando a microflora intestinal causando a disbiose intestinal que é uma alteração no equilíbrio entre microorganismo benéfico e maléfico.

Sabendo que a celulite é uma inflamação do tecido adiposo cutâneo o tratamento deve se iniciar com a retirada de alimentos ricos em substancias pro inflamatórios, junto com a introdução de uma alimentação balanceada rica em nutrientes antioxidantes e antiinflamatória, aliados a atividade física regula. 

Alimentos a serem evitados  na prevenção e no tratamento da celulite

Gordura saturada (carnes, queijos amarelos, biscoitos, sorvetes, manteiga), gordura trans (sorvete, biscoito recheado, salgados de forno, sal refinado, alimentos industrializados, calorias vazias como as dos refrigerantes, balas, sopas de prontas que não trazem nutrientes em sua composição, pão branco, macarrão refinado, arroz branco, açúcar (carboidratos refinados), frituras em geral e bebidas alcoólicas. 

Alimentos com potencial alergênico (detectados através da anamnese da pratica ortomolecular) também devem ser evitados por três meses, como os laticínios, chocolate, amendoim, glúten... e depois devem ser reintroduzidos conforme a individualidade bioquímica  de cada um ( deve ser realizado  junto ao seu Nutricionista)

 

Alimentos e hábitos importantes para a prevenção e tratamento da celulite

  • Brócolis, couve, repolho, folhas verdes escuras, aspargos, alho, cúrcuma, gengibre, manjericão, hortelã, alcachofras alem das ervas e especiarias... Esses alimentos são rico em nutrientes que melhoram a detoxificação hepática fundamental para eliminação  das toxinas acumuladas .
  • Ingestão de 2 litros de água ao dia no inverno ou pode-se  fazer uso dos chás, e consumes.
  • Fazer seis refeições ao dia de três em 3 horas, desjejum, colação, almoço, lanche, ceia.
  • Essa pratica aumenta o metabolismo e ajuda a queimar a  gordura localizada .
  • A água é importante para detoxificaçao hepática, drenagem linfática, e evita a retenção de líquidos.
  • Restringir alimentos ricos em sódio para evitar a retenção de líquidos que pioram o quadro da celulite.
  • Diminuir o percentual de gordura através da atividade física orientada, importante para a melhorar o sistema linfático e circulatório e bem estar geral
  • Comer diariamente frutas e verduras que propiciam ao organismo uma grande variedade de vitaminas, minerais (potássio, cálcio, magnésio, zinco, selênio, entre outros), fitoquímicos (flavonóides) fibras solúveis e insolúveis.
  • Os antioxidantes representados pelas vitaminas A, C e E protegem o organismo neutralizando os radicais livres produzidos pelo nosso organismo.
  • Usar como tempero de saladas os Óleos de semente de uva, macadâmia, linhaça e azeite extra-virgem.
  • Ingerir alimentos ricos em coenzima Q10 como o espinafre, sardinha, brócolis, feijão azuki, abacate, semente de gergelim e oleaginosas que melhoram a atividade mitocondrial importante para geração de energia e para renovação e oxigenação celular.
  • Beber 2 xícaras  ao dia  de Chá verde ou  chá da Flor de hibisco importantes para a  detoxificação hepática
  • Ingerir fibras como aveia, fibra de maracujá, linhaça dourada, gérmen de trigo, cevada, que  tem um papel fundamental na prevenção da celulite e no seu tratamento.  As fibras insolúveis  aumentam o transito intestinal promovendo a retirada de toxinas e restos da putrefação das proteínas do intestino. Já as fibras solúveis têm a sua ação na mucosa intestinal estimulando o crescimento das bactérias benéficas para o nosso  organismo. Alem disso os alimentos ricos em fibras contem fitoquímicos e outros nutrientes fundamentais para o sistema antioxidante do nosso organismo.
  • Antocianidinas presente nas Frutas vermelhas como amora, uva preta, açaí a polpa pura, cereja, framboesa e morango melhoram a permeabilidade dos vasos sangüíneos melhorando a circulação.
  • Cebola que é rica em Quercitina um bioflavonoide importante, pois recupera a vitamina C e E da ação dos radicais livres, alem de melhorar circulação facilitando a drenagem linfática.
  • Colágeno é  rico em Lisina, prolina e glicina aminoácidos importantes para o tratamento da celulite, pois ajudam na firmeza da pele.

    Gorduras saudáveis presentes nas oleaginosas, peixes, abacate, semente de gergelim e azeitonas.
    Omega 3, gordura monoinsaturada, Omega 9 são importante para combater processo inflamatório da celulite 

    Alimentos ricos em triptofano como a banana aumentam a serotonina e a saciedade.
  • O broto de trigo é rico em clorofila e é fonte de betacaroteno, vitamina K, acido fólico, cálcio e Ferro, é considerado um grande aliado ao combate da celulite em função das suas propriedades detoxificante.

CURSOS


MAIS CURSOS



Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber informações relevantes sobre eventos e cursos sobre Nutrição Funcional.

  |